.

.

12.10.14

as golas altas da Zara e da H&M

ZARA










H&M






Desde pequena que me lembro do sufoco que era quando via a minha mãe caminhar até mim com camisolas de gola. Não era uma gola qualquer. Era daquelas que mais pareciam um túnel interminável do que outra coisa e ainda se desdobravam umas tantas vezes. E quando finalmente voltava a vislumbrar a luz do quarto, já o meu cabelo dançava ao som da electricidade estática. 

O meu melhor beicinho não era suficiente para evitar levar comigo todo aquele XXL de malha apertada. Penso que foi por essa altura que irremediavelmente aprendi a franzir o sobrolho. Hoje, dez anos anos depois, rio-me quando a minha irmã lhe foge a sete pés. Podia dizer que há coisas que nunca mudam, o que é verdade, mas não é o caso. 

Uma vida depois começo a olhar golas altas com todo o meu sobrolho relaxado e é nos visuais de street style que encontro as que mais aprecio. 

1 comentário:

Copyright @ the brunette lingerie. Blog Design by KotrynaBassDesign